Blog

Novos rumos

Marcas, assim como pessoas, estão em constante construção, crescimento e evolução. Em dias de produção em massa, nosso desafio é trazer algo significativo que vá além do produto – que tenha personalidade e alma.

Nosso foco sempre foi a cliente e nosso desejo é de aumentar as experiências individuais, trazendo peças cada vez mais exclusivas, ricas em detalhes e de tiragem limitada.

Para que este trabalho seja desenvolvido de forma única e inspiradora estamos direcionando uma mudança para que haja entrada mais frequente de produtos e, futuramente, sermos livres de coleções.

As peças do site são as clássicas da marca e sempre voltam, com alguma variação de tecidos – de acordo com a estação.

Siga-nos no Instagram para acompanhar o nosso trabalho e saber mais. Moda independente, espontânea e honesta. Feita com muito amor para alguém muito especial: você.

Acreditamos no pensar diferente e convidamos você a pensar diferente também.

Leia mais →

Feminilidade

Os tons delicados, como rosa e lilás – tidos como mais femininos, são ótimas escolhas para um look sexy sem esforço. Querem ver?

Na saia, o couro ecológico e a modelagem assimétrica com detalhe em zíper pesado fazem contraponto ao romantismo do magenta. Essa saia é o ponto chave de cor da coleção: também tem em pink, gelo e turquesa. A regata de algodão branca com bordado e pedrarias a complementa com leveza.

O vestidinho floral lilás com bolsos é lindo e confortável na medida. Versátil, pode ser usado tanto com blazer como com jaquetinha jeans ou até mesmo um cardigan. As flores azuis também têm opção de fundo preto.

Amei essa locação, o dia ensolarado combinou perfeitamente com os looks, que a Mari e a Lisi vestiram lindamente. Vocês gostaram? Eu espero que sim.

Beijos,

LL.

 

 

 

Leia mais →

Mais do básico

Eu já falei aqui que os neutros vão sempre juntos, lembram? E uma combinação de cores neutras que eu simplesmente adoro é marinho com preto. Aqui, as duas combinações são com variações desses tons.

A saia em couro ecológico em modelagem godê (shape que afina o quadril) tem zíper de metal na frente, que dá uma modernizada sem comprometer a versatilidade da peça. Aqui a Carol usou a preta e a marinho, mas também tem a burgundy.

A regata com recortes nas laterais e tecido bem levinho é linda, urbana e confortável. A versão azul animal print tem o toque perfeito e a em poás tem uma transparência super descolada, nessa textura também tem rosa pink.

São peças curingas apropriadas para diversas ocasiões diurnas e noturnas (é a ideia geral da marca, mas não custa reforçar). Fora que a carol é um show a parte.

Aprovaram?

Beijos,

LL.

Leia mais →

Casual Moderninho

Oi meninas!

Chegou a hora de por mais fotos no ar. Aqui, as duas composições chamam atenção pelo charme das peças separadas.

A Lisi usa uma blusa ampla de malha suede (um tecido tão bom e fofinho que dá vontade de não tirar mais) com a saia gelo com recortes e zíper em couro ecológico. O tom sur tom atualiza o combo, que eu adoro.

 

A Mari combina a blusinha baby doll com renda aplicada, com uma saia fit preta com babados e a minha versão do kimono (lá vem o inconsciente coletivo) feito em jacquard arrastão – look sexy e moderno na medida.

O legal dessas peças é que elas transitam tranquilamente entre o dia e a noite. Vocês gostaram dos looks?

Beijos,

LL.

Leia mais →

Vestido Jacquard

Essa foi a primeira peça mais festiva que produzimos. e, como eu sou fã do clássico, o modelo não poderia ser diferente. Quem quer um vestido que sai de moda no ano seguinte? O objetivo foi criar uma peça-chave que pode durar uma vida e se adequar a diferentes ocasiões, tanto noturnas quanto diurnas.

Para isso, o tecido deveria ter qualidade superior. usamos um jacquard espanhol belíssimo, com brocados discretos em tema floral, em quatro cores: verde esmeralda, vermelho rubi, preto ônix , pérola e marfim. A ideia era mesmo remeter ao tema de pedras preciosas. Para ser exclusivo (como uma joia) a tiragem foi bem pequena.

Para seguir a proposta de versatilidade, ele é curto. Afinal de contas, é um cocktail dress. O modelo é levemente corsetado, o que deixa acinturado e veste super bem (a Lisi, Mari e Carol têm corpos diferentes e todas ficaram lindas). Detalhes são o design, portanto os botões de ótima qualidade e o acabamento é em costura aberta.

Eu amei o resultado e espero que vocês também gostem.

Beijos,

LL.

Leia mais →

Verão 2015

Oi gente!

Já faz um tempo que o blog anda parado, que o site não vem sendo atualizado. Eu fico feliz que tenha gente cobrando isso! A verdade é que a produção de dezembro me engoliu como uma onda e, quando percebi, já estava envolvida demais – foi difícil parar. Mas março chegou e eu finalmente estou aqui para retomar o mundo virtual e mostrar as fotos oficiais da coleção.

Carão e poses ousadas não têm muito a ver comigo e nem com a ideia da marca, que preza pela simplicidade. A ideia era transmitir essa essência de mulheres normais que fazem coisas reais, gente como a gente. Pra isso eu pude contar com a ajuda das incríveis Carol SilvaLisi HoffmannMari Garrastazu – a escolha não poderia ter sido melhor, cada uma delas representa a marca com maestria: são lindas, leves, descomplicadas e bem resolvidas.

E para não ter um quê de editorial, as fotos foram feitas por um fotojornalista, o talentosíssimo Pedro Blanco, que – além de trabalhar 24 horas corridas – fez tudo ser bem mais divertido. Fomos às ruas e aguentamos calor escaldante, sol e até uma chuvinha no final.

Foi um trabalho que eu gostei muito de fazer e o resultado é o que vocês vão ver nos próximos dias, dividido em uma série de posts. Como sempre a coleção é pequena, as peças são exclusivas e atemporais, com muitos detalhes manuais e acabamentos de alta costura.

Agora sim. Estão prontas?

LL.

Leia mais →

O normal é a tendência da vez

A minha ideia sempre foi evitar tendências e focar no clássico repaginado, criar moda básica, confortável e despretensiosa. Quem conhece o meu trabalho ou leu o Sobre do site vai entender melhor do que eu tô falando. Mas é incrível como o senso comum nos guia e tendemos a caminhar para o mesmo lado.

Falo isso porque, folheando a Vogue de Outubro, me deparei com uma matéria sobre a palavra chave da temporada: o Normcore. No artigo, que exalta o conforto e o cool, a editora de moda Barbara Migliori explica que a falta de naturalidade ao vestir por vezes gera mais desconforto espiritual do que físico.

A autora descreve a tendência da vez como “um estado de espírito, um desejo de ser naturalmente elegante que se faz notar de dentro para fora, (…) básicos voltam a ser desejáveis; texturas aconchegantes, que acariciam a pele (…)”. Impecáveis as palavras da Barbara, recomendo a leitura (trechos da matéria aqui, na revista tem a íntegra e vale a pena).

O senso comum da vez é o bom senso. E eu não quero abrir mão dessa tendência nem mesmo quando ela passar a ser last season.

LL.

 

Leia mais →

Os neutros sempre vão juntos.

Os neutros vão com tudo, inclusive com eles mesmos. Preto, branco, marrom, cinza, nude, caramelo, marinho e cia em diferentes tons dominam os nossos armários. Eles são garantia de coesão e formam as bases para o uso das cores.

Mas também podem causar um efeito interessante ao serem usados juntos: produções compostas inteiramente por neutros atingem um visual rico e inesperado, especialmente se conseguirmos mixar diferentes tons e texturas, obtendo um efeito minimalista e sofisticado.

Apesar do preconceito, preto vai bem com marrom, marrom casa bem com cinza e marinho fica ótimo com preto. Regras são feitas para serem quebradas e esse é um excelente exemplo. E fica bem mais fácil quando a combinação já vem em uma peça só, por exemplo em um vestido ou em uma bolsa. Como toda ousadia na moda, é só uma questão de acostumar os olhos. Vamos começar?

Uma vez que você achar uma combinação de neutros do seu gosto, vai ser fácil cair na rotina de usá-la. Eu abuso da versatilidade dos neutros e, inclusive, desenvolvi uma teoria própria de que algumas estampas e padronagens são neutras (animal print, listras, poás e xadrez) e vão com tudo. Na maioria das vezes funciona! Olhem esses looks, tem como não amar?

 

Quem se arrisca a tentar? Posso assinalar lição de casa pra vocês?

Beijos,

LL.

Leia mais →

O que é moda artesanal, afinal?

Nos últimos dias muita gente tem ficado curiosa com a proposta de moda artesanal. Me perguntam, dentre outras coisas, se as roupas são realmente costuradas inteiramente a mão. Não, não são. O que acontece é que elas não são feitas em larga escala. São peças feitas uma a uma, de coração e alma, com precisão e total atenção aos detalhes.

Toda peça é feita individualmente, seguindo seu respectivo roteiro de produção e conferida minunciosamente em todas as etapas. São cortadas uma a uma. Durante a costura, no caso de erros, a roupa é refeita – e não fazemos costura sobre costura. Os arremates são 100% manuais, assim como todos os bordados e aplicações. Eventuais sobras de tecido são cortadas rente à costura para um acabamento perfeito. As roupas prontas são passadas com delicadeza antes de serem etiquetadas e embaladas por mim, junto com uma última conferida: nada escapa dos nossos olhos.

A vantagem dessa dedicação toda é a qualidade e a exclusividade, o que possibilita trabalhar lado a lado com a cliente. Mas o mais importante de tudo é que, aqui no ateliê, a gente trabalha em excelentes condições e ama o que faz. Acredito que o luxo moderno é a integridade e priorizo esse ideal na cultura da empresa.

Em tempos de alta tecnologia têxtil a confecção artesanal está desaparecendo e as consumidoras mais exigentes buscam algo que seja diferente do resto, algo que defenda seus valores e convicções e os traduza a uma realidade prática. O resultado é um produto feito com carinho e cuidado exclusivamente para alguém especial: você.

A alta costura francesa é o exemplo mais tradicional de moda artesanal, onde cada peça é feita à perfeição. Para quem quer saber mais, recomento a leitura da matéria da Veja São Paulo sobre o feitio das bolsas Hermés: Aqui.

É claro que estamos muito longe de comparações com as Maisons europeias, mas penso grande e procuro me inspirar nos melhores – lembrando que a Coco Chanel dos pampas aqui pratica preços acessíveis e não usa pele animal.

Leia mais →

Lançamento Porto Alegre

Queria compartilhar aqui a minha alegria com o nascimento da minha marca e contar um pouco do que foi conquistado nas últimas semanas. A ideia já vinha sendo trabalhada há um bom tempo e, como tudo tem sua hora, cá estamos. A marca leva meu nome e realmente tem muito de mim e da minha personalidade: o básico caminhando lado a lado com a modernidade, o simples projetado de forma criativa, o conforto levado tanto a sério quanto a estética e uma vontade enorme de fazer a diferença. Levo a modelagem a sério e me preocupo com cada detalhe, fiquei muito orgulhosa do resultado final e, enfim, chegou a hora de mostrar o resultado.

Ainda vou contar mais sobre tudo o que foi feito, o conceito e os detalhes, mas é muita coisa para um post só. Em tempo, preciso dizer obrigada a todas vocês! Essa primeira apresentação foi feita especialmente para o meu círculo social, a coleção era mesmo bem pequena. A ideia era conferir a modelagem, ver que peças, tamanhos e cores tinham mais saída. Dar um estímulo para ter as primeiras respostas de mercado que eu precisava! A receptividade superou minhas expectativas. O apoio que vocês estão me dando faz toda a diferença e não tem o que pague esse voto de confiança.

Para vocês curtirem um pouco do evento, seguem algumas fotos. O clima foi de descontração total, cheio de gente bonita e conversas animadas.

Até agora o feedback me mostrou que tô indo na direção certa, e eu to muito feliz. Tenho mil motivos pra comemorar, mas ainda muito a aprender. Para isso, o retorno de vocês é fundamental.

Agora estou às voltas na reposição de peças, organizando o lançamento em Bagé e a coleção de verão – que eu to caprichando!
A ideia é me superar a cada coleção e que vocês estejam por perto acompanhando essa evolução.

Beijos.
LL.

Leia mais →